Tratamento câncer ósseo: Como se cuidar para prevenir!

140
Tratamento câncer ósseo - Blog Brasil

O tratamento do câncer ósseo pode incluir cirurgia, quimioterapia, radioterapia ou uma combinação de terapias para remover o tumor e destruir as células cancerosas, se possível, e geralmente é feito no Instituto Nacional do Câncer mais próximo da localização onde a pessoa reside.

O câncer ósseo pode ser tratado, mas deve ser diagnosticado precocemente para evitar que se espalhe para muitos ossos. Alguns sintomas que podem indicar sua presença são, por exemplo, dores nos ossos da coluna, costelas e pernas, além de inchaço nas pernas e nas mãos, dificuldade de locomoção e fraturas frequentes.

Como tratar o câncer nos ossos

O tratamento do câncer nos ossos varia de acordo com o tamanho, tipo e localização do tumor, onde os principais tipos malignos desses tumores são: Osteossarcomas, Condrossarcomas e tumor de Ewing.

  • Tratamento do Condrossarcoma: Afeta a cartilagem e o tratamento mais adequado é a cirurgia para retirada do tumor, pois a quimioterapia e a radioterapia na maioria das vezes não surtem o efeito esperado;
  • Tratamento do Osteossarcoma: O osteossarcoma geralmente é tratado com quimioterapia por 3 meses antes da cirurgia para remoção do tumor;
  • Tratamento do Tumor de Ewing: O tratamento é complexo e inclui uma combinação de radioterapia, quimioterapia e cirurgia.

Outra possibilidade é o uso de medicamento com anticorpos monoclonais, como Herceptin e Zometa.

O objetivo dos procedimentos é destruir as células cancerosas e retirar o tumor sem a necessidade de amputar o membro, em alguns casos é possível implantar um implante metálico ou usar ossos doadores para manter a eficiência do membro e realizar as funções de dia.

A alimentação é muito importante para facilitar o trabalho do sistema imunológico e combater o câncer. Os alimentos mais indicados são ricos em vitaminas e minerais, é importante limitar o consumo de alimentos ricos em gorduras e açúcares para ajudar a reduzir a inflamação do organismo.

Qual a origem do câncer ósseo

O câncer ósseo pode ser primário quando afeta principalmente os ossos, ou secundário quando se origina de metástases de outra parte do corpo, como câncer de mama, próstata, tireoide, pulmão ou rim.

O câncer pode se desenvolver em qualquer osso, mas afeta principalmente os ossos mais longos, como braços e pernas, coluna vertebral ou vértebras do quadril.

Para diagnosticar o tumor maligno é necessária a realização de estudos de imagem, como raios-X e ressonância magnética, além de uma biópsia para identificar o tipo de tumor e sua localização, para adequar o tratamento.